Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Mãe

Tu foste o esteio,
Foste o seio,
Foste o colo,
A corça, o solo,
Amor, consolo.
Hoje és casa fechada,
Lembrança doída,
Perdida sabe-se lá aonde,
Nos meandros do teu cérebro apagado...
Eu, mãe, por minha vez
Quero ser o esteio,
Quero ser o colo,
A força, o solo,
Quero correr como a corça
Quero ensinar, também,
O tamanho do amor,
O apagar da vela
O balbuciar do dia
A forma da casa
Quero poder transmitir o Bê-a-Bá da vida,
Quero ser cúmplice,
Amiga, irmã, Mãe, enfim,
Como me ensinaste...
nádia estrela
Enviado por nádia estrela em 17/04/2006
Reeditado em 17/04/2006
Código do texto: T140505
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
nádia estrela
Torres - Rio Grande do Sul - Brasil
86 textos (2050 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 09:43)
nádia estrela