Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SOBREVIVO = TÂNIA AILENE

SOBREVIVO
TÂNIA AILENE

Só as lembranças me maltratam
enquanto era falta de carinho
me deixei ir levando
achando que era o natural do tempo
convivendo com a vida passada...
Agora falta tudo
me é negado viver
pessoas não vejo
vivo a vida através dos olhos alheios.
Tenho ânsia do querer apreciar
sem pesadelos do observado
como afronta ou agressão
só preciso ser...
Existir, ter, ser,
alguém que respira por si...
O que fiz com a minha vida?
Passou, dói, machuca, fere, mata...
Já não quero nada nem ninguém
só a identidade
do ser aniquilado pelas maldades
esperanças desfeitas.
No desespero do viver
peço, imploro, rogo, oro, preciso...
Meu espaço para viver
com liberdade e direito
de uma pessoa que clama
 respeito e por existir
ter feito o certo a tantos
que esqueceu de viver por você...

26/03/2006
TÂNIA AILENE
Tânia Ailene Nua Poesia
Enviado por Tânia Ailene Nua Poesia em 19/04/2006
Código do texto: T141481
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Tânia Ailene Nua Poesia
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
886 textos (30278 leituras)
28 áudios (1362 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 05:55)
Tânia Ailene Nua Poesia