Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

banho de espuma

chega em casa com a camisa amarfanhada; manchas de batom elucidam essa noitada evidente.
enche a banheira e mergulha em seus devaneios.
paranóia...
tenta relaxar, faz bolhas de sabão,
mas a memória não o deixa controlar o vazio.
abre o chuveiro e limpa os resíduos neuróticos
sentindo pelo corpo um torpor confidente,.
a toalha foge do alcance de suas mãos.
tenta mais uma vez...
a primeira decisão foi apagar do corpo
a disputa ,da mente ,
a tatuagem , a fama, a separação.
a gravata , atando os nós do desejo...
cerveja, suor, desilusão...


                                   GARDÊNIA
gardênia
Enviado por gardênia em 20/04/2006
Reeditado em 20/04/2006
Código do texto: T142436
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
gardênia
São Paulo - São Paulo - Brasil
394 textos (11479 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 21:53)
gardênia