Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A ida

Se for pra continuar vivendo assim
vou ao encontro do desconhecido
mesmo que seja para encontrar o fim.
Se for assim, que finde esta solidão,
este vazio, este querer viver o que não tenho
o que não posso viver.
Se estou indo ao encontro do fim
indo também estou atrás do que não sou
buscando esquecer o que estou cansada de ser.
Não sou assim! Assim não quero ser!
Tenho vida em mim...Quero viver!!
Que não volte se for continuar
o que sou e hoje vivo.
Que encontre o fim
buscando o que tanta falta me faz...
A esperança de encontrar o amor
e poder voltar a amar.
E que seja realmente o fim pra mim,
que não possa voltar, que não queira nunca mais
olhar pra trás.
Que eu não fique mais sozinha
que seja o fim desta minha vida tão vazia.
ANA MARIA CALHEIROS DE MELO
Enviado por ANA MARIA CALHEIROS DE MELO em 23/04/2006
Código do texto: T144111
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
ANA MARIA CALHEIROS DE MELO
Francisco Morato - São Paulo - Brasil, 57 anos
50 textos (2312 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 08:10)