Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
Caos

Percebí! Foi tudo fulminante,
agora a aurora esconde o sol
já não existe infância
sou estatística
"droga" maldita...

De bruços no peitoral da varanda,
som de alegria contamina o ar
levando minhas lágrimas,
sonhos partidos
adeus a este lugar...

Pairam nuvens espessas,
abutres farejam indiferentes.
Entre o céu e a terra
espaço sem fim,
mergulho para o além...


(Poema de alerta aos jovens)
Jamaveira
Enviado por Jamaveira em 26/04/2006
Reeditado em 03/08/2006
Código do texto: T145788
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jamaveira
João Pessoa - Paraíba - Brasil, 62 anos
1943 textos (95989 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 17:57)
Jamaveira