Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Socorro!!!

Socorro! Brada o povo do morro.
Mas, de onde virá o socorro?!
Um diz: não sei se fico ou se corro.
O outro: não sei se vivo ou se morro.

Socorro! Brada o povo do asfalto.
Virá o socorro antes do assalto?!
Um diz: astral pra baixo; mãos pro alto!
O outro: nem bandido pode andar incauto.

Socorro! Murmura o povo do poder.
Juram que o socorro não pára de socorrer! (?)
Um diz: não podemos nos render.
O outro: esta guerra, nós vamos vencer.

Socorro! Brada o povo comandado.
Virá socorro para o desempregado?!
Um diz: bem faria, se não tivesse votado.
O outro: bem faria, se tivesse me matado!

Socorro! Entoa todo o povo brasileiro!
Mas, e o socorro? Trancou-se no banheiro?!
Um diz: ele só ouve a voz do dinheiro.
O outro: resta-nos rezar ao padroeiro!

(Sérgio Silva, in Vim, Vi e Escrevi, 2006)
Sérgio Silva
Enviado por Sérgio Silva em 27/04/2006
Reeditado em 12/05/2006
Código do texto: T146293

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Sérgio Silva
Araraquara - São Paulo - Brasil, 40 anos
46 textos (33259 leituras)
3 áudios (1031 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 21:51)
Sérgio Silva