Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

VIAJAR

Sem parar
Para onde a carteira
Ou os sonhos
Me puderem levar

Viajar

Admirando as maravilhas do mundo
Que existem, existiram
Ou um dia hão-de existir
É rumo ao que menos tem lógica
Que eu gosto de ir

Viajar

E deixar-me mergulhar
E perder entre as diferentes culturas
Diferentes aromas, línguas, sem realmente saber quem são
Porque é no meio do vazio
Que o preenchemos
Com o saber adquirido dos dias que virão
Onde aprenderemos
Que o diferente devia ser norma
E não excepção
Deus supremo de todas as coisas
Que não precisa de religião
Porque esta
Somos nós que a construímos
No calor da tolerância
Emprestada pela viagem eterna
Que nos revela a importância
De não esquecermos o que somos
Nem do que iremos ver
A mistura é a lição
Que a humanidade devia aprender
Para escrever num só livro
A história do mundo
Verdadeiro retrato dos novos tempos
Que será lido no futuro
Por aqueles que sonhamos em gerar
Que herdarão o que lhes deixamos aos bocados
Sem lógica pois não aprendemos as lições
De um simples e singelo

Viajar

Poema protegido pelos Direitos do Autor
Miguel Patrício Gomes
Enviado por Miguel Patrício Gomes em 28/04/2006
Reeditado em 28/04/2006
Código do texto: T146686

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Miguel Patrício Gomes
Portugal
5079 textos (170381 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 16:33)
Miguel Patrício Gomes