Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Da Janela eu Vejo

No ambíguo campo do horizonte
vejo a estrada da vida
em campo de semeadura
e terras de descobertas;
vejo paisagens em transparências
caminhos de contradições
delicadezas do sentido
lembranças que não se vão;
consciência do passado
num silêncio abstrato
de verdades esquecidas
e graças não reveladas;
na descoberta do invisível
vejo padrões de inspiração
falsidade de milagres
na lógica cultural.
E na angústia do amanhã
sem querer lembrar do ontem
cerro os olhos tentando não ver
a grande batalha da vida .
 
Maria Luiza de Monteiro Marinho
Enviado por Maria Luiza de Monteiro Marinho em 06/05/2006
Reeditado em 07/05/2006
Código do texto: T151328

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor e o link www.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria Luiza de Monteiro Marinho
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
149 textos (4798 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 02:00)
Maria Luiza de Monteiro Marinho