Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Onde andas serenata?




              Aonde andas ò serenata..já não respiras..
              Que tempos belos quando enluarada..se ouvia
              os lindos versos, que vinham de ti.. nas
              calçadas , e nos jardins das belas amadas...

              Agonizas, ou morrestes...inexiste ou subsite,
              em algum Roseiral...foi banida...e triste te
              recolhestes a um beiral solitário no silêncio?

              Te procuro...e não te acho..ó
              serenata...

              Tu fostes rainha de épocas áureas..aonde as
              semente de amores puros eram  plantadas..
            ...e os jovens, ainda, se enamoravam..e de
               mãos dadas..caminhavam pelas praças.


              Se tu me ouves, ó serenata..se faz presente..
              vem ! enebrias  os corações de toda a gente...
              com a alegria do teu canto tão envolvente..
              Que animou tantos romances inocentes...

              Sê bem vinda ò Serenata!
               
                         
Valéria Guerra
Enviado por Valéria Guerra em 06/05/2006
Código do texto: T151500
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Valéria Guerra
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
3306 textos (112363 leituras)
195 áudios (9271 audições)
3 e-livros (166 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 12:19)
Valéria Guerra