Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto


D E S A B A F O ...


Carrego na vida um fardo
pesado e cheio de dor,
a dor de nunca ter sentido
a expressão do verdadeiro amor.

E no corpo carente de afeto
o peito cheio de tristeza,
chora um pranto incontrolado
de nunca ter sido amado.

Nos desejos reprimidos...
nas noites que passo acordada...
passei pela vida e não sentí
o prazer de ter sido amada.

Tristes pensamentos...lamentos...
ah, se eu pudesse o tempo voltar,
saberia hoje  responder
qual é o sabor do prazer.

Insônia... solidão...
vazio...decepção...
são eternas companheiras
do meu triste coração.

Coração que sofre em silêncio...
e no silêncio ele chora de dor,
lágrimas de uma mulher cujo corpo
sente a falta de um amor.

              florzinh@
    Salvador-Ba   06/05/06






florzinha
Enviado por florzinha em 06/05/2006
Código do texto: T151547
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Maria Socorro Teixeira de Castro ( Flozinha)). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
florzinha
João Pessoa - Paraíba - Brasil, 64 anos
4138 textos (1194559 leituras)
5 e-livros (3402 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 04:55)
florzinha