Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Pira (musica)

Sentado no telhado, olhando as estrelas, escrevendo nas letras feias, algo que expresse todos os sentimentos
Sentado no telhado olhando as aranhas passearem como pensamentos, tão rápidos, tão confusos, livres, ao relento

Eu sei que parece estranho, mas todos somos assim, ninguém sabe explicar a vida do começo ao fim...

Sentado no telhado, olhando para as árvores balançarem como meus cabelos, levados pelo vento, alívio para o sofrimento
Sentado no telhado olhando ao meu redor, ainda sei que é melhor, parado aqui escrevendo a viver sem sentimentos

Eu sei que parece estranho, mas todos somos assim, ninguém sabe explicar a vida do começo ao fim...

Sentado no telhado, aqui em cima é bem melhor, lá em baixo há tanto perigo mas o meu céu é bem maior
Sentado no telhado, aqui eu não tenho medo, prefiro morrer vivendo do que viver morrendo

abril de 1998
 
Guilherme Lombardi
Enviado por Guilherme Lombardi em 07/05/2005
Reeditado em 10/12/2010
Código do texto: T15495

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Guilherme Lombardi
Curitiba - Paraná - Brasil, 33 anos
152 textos (14480 leituras)
5 áudios (758 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 11:11)
Guilherme Lombardi