Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Perdida no amor

Apaixonada qu’estou,  adoro me perder,
porque so assim me entrego literalmente
às delicias do sofrer gozozo do nada ser,
para entregar-me ao amor como amante!

Se devaneio, permito ao palavrar gestual
de mim inteir’abusar de forma proposital,
idéias distorcidas se contorcendo na mente
e ungind’os desejos que me fazem ausente!

Na fuga, quem eu sou loucamente esqueço,
näo choramingo,  pois nada a vida me leva,
 ao contràrio,consciente qu’eu näo a mereço,
disvirgino segredo, seduzo e defloro a mata!

Avanço deliciosamente em fuga sinfônica,
misturando meus eus como vagas perdidas,
que là se indefinem,em outras trasformadas,
imit’os luares malhados de apariçäo mistica,

que como eu, na malha noturna se perdem,
para  surpreendente mergulho nos ribeiros,
que por sua vez, canto da sereia perseguem;
nunc’aceitam viver sem misterios amorosos!

Grenoble-Fr-15/05/2006
Inês Marucci
Enviado por Inês Marucci em 15/05/2006
Código do texto: T156321
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Inês Marucci
Santos - São Paulo - Brasil, 54 anos
584 textos (23416 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 15:38)
Inês Marucci