Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Alma Multicolorida

Estava parada na calçada,
pacientemente esperando abrir o farol,
pra seguir no percurso até o meu lar,
e como minutos, parecem horas,
na espera que o verde se acenda pra nós,
aos carros passantes, que fique vermelho,
afinal o pedestre também tem direito.

E foi nessa coisa de cores,
momentos contra, momentos favoraveis,
que me veio na mente, uma certa loucura.
Comecei a divagar, sobre as cores da vida,
das peles, das almas, das flores, dos lagos,
rios, riachos, asas dos pássaros,
sapatos, roupas, brincos e laços.


Eu pensei nas cores que temos,
por sob nós mesmos,
abaixo da derme e da epiderme.

Imaginei de brincadeira, pura diversão,
qual a cor eu tinha naquele momento,
escondida, ocultada, dentro da carne,
de cor encarnada.
Me vi amarela, um branco encardido,
afinal o meu dia, não fora ruim,
mas ficara distante de ser ótimo também.

Vejam vocês, como é engraçado,
por dentro as vezes ficamos vermelho de vergonha,
branco de medo, verde de dor, azul de raiva,
negro de dor.

Outra coisa bem divertida,
é constatar que uma mesma cor,
tenha diferentes significados,
afinal me diga se não é verdade:
o vermelho vergonha, pode ser o vermelho euforia;
o branco de medo, pode ser de emoção;
o verde dor,passa a ser de imaturidade;
o azul de raiva, pode ser simplesmente um azul de sede;
o negro de dor, vira negro de sono profundo, paz interior.

Vejam que bacana,
enquanto as pessoas brigam tanto nas ruas,
por cor, por sexo, etnia e religião,
eu noto encantada, que somos idênticos,
pois não importa de onde viemos,
carregamos no âmago as cores da aquarela.

Brasileiros então...que confusão,
carregam verde, o amarelo, o azul e o branco,
e por luxo carregam nas cores expostas,
na nudez de seus corpos, cada um a cor de uma Nação.

Por essas e outras amo meu País,
mistura os traços, sotaques e cores,
faz um povo receptivo e amistoso,
De alma leve, alegre e gostosa,
Alma que de tão coloridas,
vibrantes, diferentes...
Almas multicoloridas.


Princesa Lara
Enviado por Princesa Lara em 31/05/2006
Reeditado em 01/06/2006
Código do texto: T167024
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Princesa Lara
Santo André - São Paulo - Brasil
116 textos (6717 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 14:38)
Princesa Lara