Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SUPERAÇÃO

A ansiedade castiga.
Olhos para o relógio e seus ponteiros parecem inertes.
Nem as tecnologias, ditas contemporâneas, ajudam.

Aguardo um contato, um e-mail, um recado qualquer,
Um sinal que sirva de consolo e tranqüilize meu coração.
Um alô, apenas isto, mas nada acontece.
 
Será que esqueceu de mim?
Saiba, portanto, que aguardarei seu tempo,
Mas espero que respeite o meu.
Afinal, amar sozinho parece um grande deserto,
A solidão domina e tudo parece fugir ao controle.

Ouço barulho e imagino ser você;
Vejo vultos e minha mente formata você, seu corpo, seu cheiro...

Aguardo você chegar!
Aguardo você voltar!
Não posso desistir.
Não posso me desesperar.

Devo agüentar.
Devo amar,
Ainda que sozinho.
JOSÉ FLÁVIO DA PAZ
Enviado por JOSÉ FLÁVIO DA PAZ em 04/06/2006
Código do texto: T169398
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
JOSÉ FLÁVIO DA PAZ
São Paulo - São Paulo - Brasil, 45 anos
60 textos (36390 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 00:26)
JOSÉ FLÁVIO DA PAZ