Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Esse Homem


Quem engravida a terra fértil com a semente
e acalenta a infância frágil das espigas?
Quem cede o suor pra sede plena da lavoura
e ombreia a safra com paciência de formiga?

Quem é que sofre a gestação da messe alheia
e a incerteza do amanhã na mesa aflita?
Quem colhe o ouro inacessível da colheita
e vive a fome operária das marmitas?

E quem semeia a cidade com tijolos
pra gerar prédios nos canteiros de concreto,
povoando extensos corredores de asfalto
com espigões que amadurecem desafetos?

Quem desafia as altitudes da ganância
e se equilibra nos andaimes salariais?
Quem planta estrelas de néon num céu de vidro
e vive a fome no desterro dos rurais?

Por esse homem que tem mãos de gerar sonhos
e colhe, sempre, a realidade das esperas,
meu canto insone faz vigília nos poemas
e brande adagas nas trincheiras da miséria.


 
Vaine Darde
Enviado por Vaine Darde em 15/06/2006
Código do texto: T176009

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Vaine Darde
Capão da Canoa - Rio Grande do Sul - Brasil
543 textos (83356 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 06:31)
Vaine Darde