Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ESTOU SÓ

Jorge Linhaça
10/11/2005
 
Estou só, completamente
as vozes que ouço vem da tv
Estou só, absolutamente só
nadando só contra a corrente
Ando nas ruas, ninguém me vê
sou como uma partícula de pó
 
Estou só, minha voz se cala silente
ouvidos moucos, estéreis terrenos
Que ouvem sem sequer escutar
Estou só, abandonado, indolente
Caminhando na vida no sereno
andando pelo simples ato de andar
 
Estou só, sem eira e nem beira
Mastro abandonado, sem bandeira
Jorge Linhaça
Enviado por Jorge Linhaça em 18/06/2006
Código do texto: T178109
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jorge Linhaça
Salvador - Bahia - Brasil, 55 anos
3723 textos (711042 leituras)
95 áudios (13093 audições)
1 e-livros (277 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 16:09)
Jorge Linhaça