Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

pensamentos de uma ovelha

não há vida sem significado
não há som de harpa que não seja bonito
não há chuva sem telhado
e nem passarinho que cante esquisito

não há escalada sem desatinos
não há amor sem haver cativeiro
não há igrejas que não tenham sinos
e nem Lampião sem o seu cangaceiro

não há o perdão para a humanidade
não há a vontade que se satisfaça
não há coração que não sinta saudade
e nem um coreto que fique sem praça

não há diferença entre o bem e o mal
não há esse tal de desejo incomum
não há quem me diga que sou anormal
se nem Jesus Cristo escapou de ser um

não há sutileza no vôo da ave
se a bola na trava bateu e entrou
não há segurança na aeronave
se o vento sorriu, mas não colaborou

não há regalias sem intolerância
não há medicina sem ervas do mato
não há a nação que não teve infância
nem a explicação que dê conta do fato

não há a certeza de que tudo acaba
não há o pastor que conduza a ovelha
se ela cresceu e agora se gaba
de que já não é uma doce pentelha

por isso não há o refúgio da alma
que só se acalma quando diz adeus
pois deixa pra trás e se livra do trauma
de ter que abrigar mais um filho de Deus
Aluizio Rezende
Enviado por Aluizio Rezende em 11/07/2006
Código do texto: T191629

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Aluizio Rezende
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
6596 textos (144476 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 20:13)