Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AÛSUB (SAISU), DO TUPI AMAR (II)


E um dia,
quando avistei teus olhos de índio
tão claros
e tua pele de índio
tão perto de mim
no sol quente da Amazônia
no inexplicável encontro
eu quis aprender uma palavra na tua língua patuá
e ali, diante do caminho da tua aldeia
com casa coletiva de farinha
(tinha um cheiro tão bom)
com a primeira casa avistada
(que era de madeira velha,
com janelas protegidas apenas por retalho de pano)

tu não podias me ensinar só uma palavra
tinhas que me ensinar uma frase inteira
pra deixar em mim essa saudade
que lateja e dói e machuca
sempre.



Tinhas que me ensinar
mole to ne laba
eu quero voltar lá.
carla nobre
Enviado por carla nobre em 12/07/2006
Código do texto: T192497
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
carla nobre
Macapá - Amapá - Brasil, 41 anos
41 textos (6841 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 02:05)
carla nobre

Site do Escritor