Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CONSTRUÇÃO

         Construiram grades e prisões de aço
         Contra à poesia
         Jogaram pedras de negro óleo
         Sobre ela
         Apunhalaram suas palavras
         Açoitaram suas letras de A x z
         Afugentaram-na como se fossem espectros
         Más eu- um dos seus pedreiros
         E eventual cultivador dessa arte
         Revigorei-a para a luta
         Na força e união
         Senti seu fogo entrando
         Em minha alma
         Juntei seus fragmentos
         Emoldurei-as num brasão de luz
         Eis agora à poesia
         Brilhando em meu seu
         Com gritos de liberdade
         VIVER!!!! VIVER!!!!VIVER!!!




         
         EDEGAR  SOARES
Edegar SOARES
Enviado por Edegar SOARES em 17/07/2006
Código do texto: T196065

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Edegar SOARES
Balneário Camboriú - Santa Catarina - Brasil, 58 anos
152 textos (22133 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 14:37)
Edegar SOARES