Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

                                                        imagem da internet



Não me deixe agora

Peço não me deixe agora,
porque ainda há vida lá fora,não podemos nos
perder.Talvez vá embora achando,que nada,nada restou,daquele nosso amor.

Restou sim
Restou o carinho,que sinto por ti
Restou o amor,que fizemos,em nosso ninho.

Meu amor por ti,foi maior que tudo
Foi meu mundo,atravessei o oceano.

E sem engano,por tantas vezes,tirei os espinhos
do teu caminho.

Fiz versos olhando,para a lua,fiquei seminua,
para ti agradar,e vai deixar as lágrimas,
novamente me machucar?
Fiz da tua vida,a minha vida,e vem falar em me deixar.

Tornei-me bela,doce e viçosa,para tu me desejar.
E sempre cultivei esse amor,como se cultiva uma flor,
e vem falar em me deixar!

Não!não me deixe agora,
Eu não vou suportar.
Elliana Alves
Enviado por Elliana Alves em 21/07/2006
Reeditado em 04/04/2007
Código do texto: T198589

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor,cite o nome do autor e o link para a obra original,cite o nome do autor e o link para o site "www.sitedoautor.net"http://www.recantodasletras.com.br/autores/elianaalves). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Elliana Alves
Petrolina - Pernambuco - Brasil
485 textos (98284 leituras)
4 áudios (2961 audições)
11 e-livros (1025 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 10:31)
Elliana Alves