Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MARCAS

Quando nasci, costuraram minha boca
E preencheram com areia
Para que não podesse mexer minha lingua
costuraram com fios de ferro para que eu nao falasse

Quando nasci, cegaram meus olhos
E os tiraram fora, para que nao houvesse chance de recuperação
Marcaram com fogo a minha cegueira

Porém, quando nasci, nao tiraram minha audição
Então, sem saber em quem confiar, quando cresci
Aprendi a confiar apenas no que penso, e não
no que vejo ou no que falo.
raymond
Enviado por raymond em 24/07/2006
Código do texto: T200850
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
raymond
São Paulo - São Paulo - Brasil, 29 anos
14 textos (1117 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 15:59)
raymond