Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ADEUS


Boa noite.
Quando saíres,
Não batas a porta.
Encosta-a delicadamente,
Procura tornar desapercebida
A tua covarde partida.

Ao ultrapassares o portão,
Fecha-o sorrateiramente,
Joga fora a tua chave
Para que a volta seja inconcebível.

Boa noite.
Deixa para trás
Apenas teu conturbado adeus
Que o vento jamais ousará pronunciar.

Deita-te com mulheres ardentes,
Sonha amores voluptuosos,
Perde-te em espasmos do mais completo gozo.
Aproveita como embrião
O quente ventre alheio
Sem que te pese a lembrança
Deste coração que tanto humilhaste.
vitória Paterna
Enviado por vitória Paterna em 25/07/2006
Código do texto: T201898
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
vitória Paterna
Santo André - São Paulo - Brasil, 63 anos
133 textos (8672 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 12:36)
vitória Paterna