Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Foi-se o tempo em que na infância,
ou mesmo já adulto,
onde apenas pelo olhar se estabelecia uma comunicação,
entre filhos e pai,onde os mais velhos eram respeitados.
Não sei devido ao quê exatamente,tudo se acabou,
mas tenho meus palpites.
Acredito que esse excesso de informação
desse mundo globalizado em que precisamos
nos superar a todo o momento,
nos falta tempo para o diálogo sincero,
o ombro amigo, abraço forte,
as risadas descompromissadas.
A vida diária nos afasta das pessoas que amamos
de tal maneira que quando percebemos
não há mais assunto e apenas um "oi"
começa e encerra a conversa.
As familias não se sentam mais a mesa
fazendo as refeições juntos,tendo dialogo,
dizer ao outro que o ama,nem se cogita mais,
é como se não mais ouvesse este sentimento de amor
e respeito, por isso, prefere calar-se.
Os valores vão se perdendo diante de tanta violência, desconfiança
oportunismo e nos tornarmos cada vez mais seres solitários.
Precisamos rever nossas vidas,nossos valores,
abrir o coração, procurar os velhos ,ser mais amigos,
sendo confiáveis,desavergonhados do amor,
aceitar as pessoas como elas são e respeitar nossos pais,
os limites, os ideais.
Tenho certeza que assim seremos mais felizes.
E daremos a nossos pais, paz e motivo de ter horgulho
dos filhos que tiveram.

Hedi Diniz
Enviado por Hedi Diniz em 27/07/2006
Código do texto: T203229
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Hedi Diniz
São Paulo - São Paulo - Brasil, 58 anos
1078 textos (99127 leituras)
1 áudios (264 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 13:00)
Hedi Diniz