Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto








"OS POUCOS ANOS"


Os poucos anos que vivi, já me pesam;
imaginem se tivesse que dobrar...
eu que tenho, carinho e amor fraterno
imaginem quem não tem ninguém, pra lhe amar;
eu não sei quantos dias me restarão,
se dependesse de mim, eu morreria ancião,
eu sei que aqui na terra é ruim, mas...
quem me garante que é melhor fora daqui?
Quem afirma que é bom, nunca morreu...
e quem morreu; nunca voltou pra me falar;
deve existir outro lugar melhor que aqui
mas não afirmo; quem sou eu pra afirmar...
somos meros sobreviventes humanos
fazemos planos, sem certeza do amanhã;
ah! Se eu soubesse que amanhã eu morreria
como seria o meu hoje? Será que eu...
chegaria amanhã? Ou eu morreria hoje?




Antonio Hugo
Enviado por Antonio Hugo em 29/07/2006
Código do texto: T204994
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autor: Antonio Hugo/ site: www.antoniohugo.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Antonio Hugo
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 59 anos
3870 textos (257166 leituras)
185 áudios (36329 audições)
9 e-livros (7402 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 07:06)
Antonio Hugo

Site do Escritor