Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

P. S.

olhava as estrelas de luz cintilante


sentia no peito uma mágoa intensa

a angústia da impotência crescia


nada poder fazer, doia.

pensava em como isso podia acontecer

onde estava a responsabilidade

em meu pensar, era dolorido

ver um ser assim tão desvalido

chorava, pedia, clamava

como tantos outros, se desesperava

a dor física, talvez diminuída

perante a dor de ser uma pessoa excluída.

a mãe no banco, mal acomodada

o filho em seu colo apoiado

todo o espaço lotado,

olhar fatigado.

pessoas se espremem como gado

atendente grita,

se agita

o desconforto é total

-"aguardem sua vez, por favor

esperem a chamada do doutor "

até quando, a barbaridade insana

o desleixo de nossas autoridades

dos governantes a falta de competência

lenvando a saúde do povo à falência.



GDaun
Enviado por GDaun em 05/08/2006
Código do texto: T209482

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
GDaun
Lupércio - São Paulo - Brasil, 72 anos
653 textos (43009 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 22:36)
GDaun