Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Gritos

Ouve meus gritos
ó Deus dos insensatos
tendes piedade dos proscritos.
O algoz dos fracos
aniquila todo e qualquer sonho do inocente,
mostra aos incautos o tormento,
dá aos tolos seu pagamento.
Ouve meus gemidos
ò Deus dos condenados
apieda-te dos lamentos torpes
mesmo do pranto dos desesperados.
Seja a sentença cumprida até o final
e mortos e sepultos todos desejos
seja bendita a loucura e o desterro
no inferno onde se lançam os malditos.
Ouve o eco dos mudos gemidos
ó Deus dos amaldiçoados
que perverteram a Tua criatura
e se fizeram deuses falsos e covardes.
Ouve meus gritos...
ouve
meus
gritos...
silentes...
gritos.
Liane Furiatti
Enviado por Liane Furiatti em 07/08/2006
Reeditado em 20/01/2009
Código do texto: T211216
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Sobre a autora
Liane Furiatti
Curitiba - Paraná - Brasil
776 textos (34957 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 17:01)
Liane Furiatti