Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

sem Título

insistindo em ser poeta
e a conta pra pagar
a casa pra arrumar

insistindo em ser poeta
e a namorada já foi
a amada não veio

insistindo em ser poeta
e a realidade não presta
a vida é uma merda

insistindo em ser poeta
e o emprego é uma bosta
o trabalho é o  que resta
Eneas Andrade
Enviado por Eneas Andrade em 08/08/2006
Código do texto: T211821
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Eneas Andrade
Salvador - Bahia - Brasil, 36 anos
109 textos (4014 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 00:35)
Eneas Andrade