Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Veneno no Celofane

“Livre empresa é isso:
tem uma mercadoria
que todo o mundo quer,
então vamos fazer,
vamos vender, vamos enricar".

"São os dons da natureza,
que usamos em nosso proveito.
se o petróleo queima,
vamos aproveitar".
"Se as baleias estão dando sopa,
vamos fazer sopa de baleias".
"Se há plantas que se fizeram,
nos laboratórios das matas,
plantas amigas que dão barato,
e passam a ser importantes,
como importante é a vida,
a comida, o ar, o amor,
então vamos botar
a indiada para trabalhar".
"Vamos refinar e vender,
vamos encher Hollywood de pó,
de sonhos, de energia".
"Se eles nos vendem venenos
impressos em celulóide,
devolveremos veneno contido em celofane,
compactos sonhogramas consistentes
mais reais que os existentes nos filmes”.

E o dinheiro entra a rodo,
Verdinhas como folhas de relva
Que todo o mundo quer ter,
Que todo o mundo quer gozar
Para continuar a comprar sonhos,
Venenos, comendas, privilégios,
Fazer fortalezas, comprar mansões,
Criar nações paralelas
Que se encontram na ilusão do infinito
Que é onde todos os caminhos vão dar.










Jacques Levin
Enviado por Jacques Levin em 12/08/2006
Reeditado em 19/11/2009
Código do texto: T214559

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o link do autor e o link da obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jacques Levin
Vassouras - Rio de Janeiro - Brasil
1171 textos (104455 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 22:24)
Jacques Levin