Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

É Minas, uai


ALTEROSAS TODA PROSAS

TERRA DE MULHERES E PRESIDENTES

AS PRIMEIRAS LINDAS DEMAIS

OS SEGUNDOS, SUFICIENTES

DOCE DE LEITE, PÃO DE QUEIJO, REQUEIJÃO

A DILÍCIA DA PURURUCA,  DO LEITÃO

COUVE RASGADA, TORRESMINHO

TEM DE TUDO, UM CADINHO.

PALAVRA MANSA

PROSEAR NUNCA CANSA

CIGARRO DE PAIA

ONÇA MORTA NA ZAGAIA.

NUM TEM FRESCURA, SÔ

BRANCA OU NÊGA FULÔ

NUM SENO PADRE, MAIS TENO  SAIA

NÓIS CORRE ATRAIS,

É GANDAIA.

PROGRESSO JÁ TEMO SIM , UAI

MAIS QUI MEMO IMPORTA

É A MANSIDÃO, A FARTURA

VIDA DE REGALO , DILÍCIAS

DAS MUIÉ , A FORMOSURA

DOS HOME AS MALÍCIAS

DAS CRIANÇAS TRAQUINAGEM

O SOR NASCI TODO DIA

É FESTA, É ALEGRIA

TRABAIÁ É PRICISO

MAIS SEM PERDÊ O JUIZO.

A LUA IGUAR UM QUEJO

APARECE NO CÉU

AUMENTA O DESEJO

O DIA FOI PRO LÉU.

INTÉ, MANÉ ! VAMO DRUMI

U PARAÍZO É AQUI.

GDaun
Enviado por GDaun em 13/08/2006
Código do texto: T215252

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
GDaun
Lupércio - São Paulo - Brasil, 72 anos
653 textos (43018 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 19:10)
GDaun