Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Rotina

ROTINA

Como se não pudesse me mover
Fico paralisado com os braços abanando
A cabeça flutuando
Tentando me entender

Como se não pudesse respirar
Respiro conhecimento de Platão
Tomo a água que bebe o cão
Minha língua a espatifar

Como se não pudesse enxergar
Vedo os olhos com o sol
Ou me envolvo com um lençol
E volto a não respirar

Como se não pudesse entender
O ciclo dos meus atos
Os meus dias que são hiatos
Apenas me ponho a escrever

-E enfim, a me deitar
Andrej Cherkaev
Enviado por Andrej Cherkaev em 16/08/2006
Código do texto: T218091
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Andrej Cherkaev
São Paulo - São Paulo - Brasil, 28 anos
8 textos (191 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 00:32)
Andrej Cherkaev