Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Raiva de Mulher

Não magoe uma mulher
Não imagina do que ela é capaz
Não brinque com seus sonhos
Não seja imoral
Sentimento felino
Dor no útero
Ventre dormente
Coração sangrando
Vermelho raiva
Vermelho sangue
Vermelho rubro
Barriga gritando
Fauna e flora em conflito
Jardim perdido
Faca de corte
Ferida de morte
Sorriso que espera
A hora da virada

Coloque salva-vidas
Ainda assim
Não levo fé na sua vida
Vive em cima do muro
Seu lugar é escuro
Paralisa sua presa
Mata
Larga a vítima
E abandona à própria sorte

Nunca magoe uma mulher
Guarde isso
Pra toda sua vida
Tu me dirás: que nada!
Eu te direi: aguarda...


Rose de Castro
A ‘POETA’
Rose de Castro
Enviado por Rose de Castro em 18/08/2006
Código do texto: T219014
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Rose de Castro
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 59 anos
200 textos (21732 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 18:13)
Rose de Castro