Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

!?! ORKUT!?!

    ORKUT
           Orkut casa de milhões,
e o que de milhões de pessoas é,
não é de todos, é de ninguém.
Vício que se instala,
como hábito surdino,
hálito de todos os tinos.
 
           Orkut nicho do mal e bom gosto,
esconderijo de arte e lixo.
Liberdade que finge que existe,
espelho que brinca,
que expõe, e esconde segredos,
mistérios atrás de um rosto!
 
          Orkut viagem fantástica conduz,
felicidade e maldade,
na velocidade da luz!
Completa e preenche o vazio,
por um dia,
estrada segura, de flores enfeitada,
rodovia que nos expõe ao perigo,
nas mãos de quem vive sem guia.
 
          Orkut igarapés, cristalinos riachos,
correndo por dentro das matas,
rios caudalosos, atravessando vales e planícies,
circundando montanhas, água que banha, mata a sede
e lava  a alma de tantos, leve ao fundo dos oceanos,
todos nossos medos, tristezas, e desenganos!
 
          Orkut veículo incólume,
onde estranhos se cumprimentam,
em gentis gestos, debaixo de diferentes tetos,
faça com que nas ruas possamos,
corresponder com o mesmo afeto.
 
          Orkut comunidade sem limites,
expanda  nosso grito, de amor infinito!
expandindo o vírus da paz,
porque ser bom é fato justo,
e o bem é ato divino.
 
        Orkut mar nunca dantes navegado,
nele muitas vezes solto,
meu barco a deriva,
sem bússola-só coração,
tendo como porto seguro, a emoção!
 
       
Orkut oráculo na terra,
casa de todas as raças,
templo de todos os credos,
que  sutilmente  vá juntando
a mesma matéria, 5 elementos
que formou montanhas, e serras,
pedrinhas e poeiras
para que embaixo, para sempre,
dessas cordilheiras
soterre a guerra!
 Com emoção em 03- julho 2006,  10.29 hrs DeDê
DeDêCamillo
Enviado por DeDêCamillo em 18/08/2006
Código do texto: T219588
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
DeDêCamillo
Campinas - São Paulo - Brasil
3 textos (105 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 12:14)
DeDêCamillo