Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

UM ESPELHO E ALGUNS ANOS

VEJO UM OLHAR TRISTE
UM SEMBLANTE PÁLIDO
UMA PELE ROBUSTA
TANTAS LAGRIMAS ROLANDO
A SUA COR JÁ MUDADA
ATÉ IMAGINO COMO ERAS
A ANOS ATRAZ
DEVES UMA BELA MOÇA TER CIDO
MAS O SEMBLANTE CONFESSA
NADA FACIL TE VEIO
NADA FACIL CONQUISTOU
MAS TENS MODO DE TER TUDO E NADA
BEM VESTIDA E TRISTE
ATÉ PARECE QUE VEJO TUA VIDA
TODA ELA EM MINHA FRENTE
TEUS OLHOS NÃO MENTEM
SÃO DE SAUDADES
TALVEZ DE ALGO
OU QUEM SABE ALGUEM
TE CONFESSO TER SENTIDO PENA
ASSIM QUE TE VI
ME INSPIROU DÓ
PARECE QUE NÃO FOI O BASTANTE
CONFESSA-ME...
QUE TE ABALA?
QUE SENTES?
QUE FAZ AS LÁGRIMAS ROLAREM?
GOSTARIA DE TER AS RESPOSTAS
CARO ESPELHO MEU!!!


              Dedicado as pessoas que não
              estão aproveitando as sua vidas!
                     ou
                          ACOOORRRDAAAAA!!!!!
Enid Anala
Enviado por Enid Anala em 21/08/2006
Código do texto: T221842
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Enid Anala
Goianira - Goiás - Brasil, 28 anos
24 textos (1070 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 01:24)
Enid Anala