Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ianê




(Dedicado a minha sobrinha por ocasião do seu nascimento)


Ianê gostosa torrente d’água
A espantar cento e vinte dias de seca.


Venha menina pelas mãos do cometa
Que ofertei à Ananda,
E nos ensina, de novo,
O que é chegar.


Que a pressa de te agradar
Não se confunda com a impossibilidade.
Quero ser simples, no momento,
Como criança;
E com as arestas da vida aparada
Excluir a poeira dos meses antecedentes.


A verdura dos bosques espalhando-se
Misture-se ao cheiro da terra...
E que em pleno novembro
O assombro claro do abril
Abrace-nos a todos!!!!



PS: Ananda citada no poema é irmã da Ianê. Nome comun de dois gêneros escolhido para ser meu pseudônimo.

Ananda
Enviado por Ananda em 24/08/2006
Reeditado em 25/08/2006
Código do texto: T224075
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ananda
Brasília - Distrito Federal - Brasil, 65 anos
18 textos (852 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 12:37)