Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

TRAIÇÃO

NO VERMELHO ESCARLATE

DO SANGUE QUE ESCORRIA

VIA-SE A DOR

LATENTE

DA IMPIEDOSA TRAIÇÃO

A PERCEPÇÃO

DA CONSTANTE FALTA DE ALEGRIA

JÁ CONSUMIA

E DILACERAVA AOS POUCOS
 
O CORAÇÃO

O DIÁRIO ABANDONO

QUE TANTO SENTIA

CAUSAVA A DOR

DE UMA TRISTE DECEPÇÃO

O SILÊNCIO DA VOZ

QUE SE SENTIA

NÃO DEIXAVA ACEITAR

A OUTRA FASCINAÇÃO

O CORPO CHORAVA

A AUSÊNCIA QUE CASTIGAVA

DO CALOR E DA PRESENÇA

QUE TANTO AMAVA

A ALMA

SOLUÇAVA

ARREPENDIDA

POR UMA SECRETA

E DURA REBELDIA

PADECIA NAS TREVAS DA COVARDIA

CRAVADA NA COR

DO SANGUE QUE TINGIA

A ALEGRIA

QUE PELA VIDA

FINDOU

NO MUNDO CAIU

E NADA SOBROU

A FALTA DE AMOR E FIDELIDADE

DESTRUIU TODA UMA FELICIDADE

DEIXOU POR ISSO

QUE A MORTE CHEGASSE

PARA QUE DO PEITO

ESSA DOR CARREGASSE

NO VERMELHO ESCARLATE

DO SANGUE QUE ESCORRIA

VIA-SE A DOR

DE UMA ALMA QUE SE CONSUMIA

PELA DOR

DE UMA

IMPIEDOSA


TRAIÇÃO...
 


milizinha
Enviado por milizinha em 24/08/2006
Reeditado em 21/05/2011
Código do texto: T224365

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
milizinha
Rio do Sul - Santa Catarina - Brasil, 52 anos
637 textos (94404 leituras)
1 áudios (272 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 08:38)
milizinha