Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Guerra e Paz


Uma menina só e triste chorava,
clamava pelos irmãos e seus pais,
e ao redor, a seca terra estalava,
escuros os ares, tonitruantes ais!

Rugidos de chamas se alastrando,
escombros pelo chão espalhados,
tristeza, nas lágrimas espelhando,
pobres orfãos na vida, largados!

Quando será que nesta terra infeliz,
os homens curvarão a altiva cerviz,
e buscarão o entendimento fraterno?

E farão deste planeta, um local feliz,
dando aos filhos, alegria que condiz
com o paraíso e jamais com inferno?

Arlete Piedade

Consul de Poetas del Mundo em Santarém-Portugal
www.mundopoeta.net/fadadasletras


Poema para participar na ciranda PAZ da minha querida mana Deth Haak, a quem agradeço o convite.
Fada das Letras
Enviado por Fada das Letras em 24/08/2006
Código do texto: T224403

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Fada das Letras
Almeirim - Santarém - Portugal, 60 anos
243 textos (32137 leituras)
3 áudios (178 audições)
5 e-livros (288 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 14:06)
Fada das Letras