Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Nem sei

Nem sei quando parei de ver anjos
E de escutar seus sussurros
Nem sei quando deixei de acreditar no Papai Noel, no Coelhinho da Páscoa, ou no amor entre a Susie e o Beto (hoje Barbie e Ken)
Não sei quando senti que amor doía
Nem quando me dei conta que pra amar é preciso se sacrificar
Não sei quando vi que a vida era injusta
E que nem todos amam a gente como a gente os ama
Não sei quando me dei conta que um dia meus pais vão morrer
Nem me lembro quando me dei conta de que um dia EU vou morrer
Nem sei quando comecei a sorrir por obrigação
Nem quando comecei a mentir para não magoar
Não sei quando deixei de ser ingênua a ponto de acreditar na fidelidade
Nem quando apostei que jamais seria enganada - de novo
Nem sei quando perdi a esperança
Nem quando me dei conta de que nem todos querem o bem de todos
Não sei quando parei de acreditar que o sorriso nem sempre é verdadeiro, o beijo nem sempre é sincero, o abraço nem sempre é carinhoso
Patrícia Linden
Enviado por Patrícia Linden em 29/08/2006
Código do texto: T228062
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Patrícia Linden
São Paulo - São Paulo - Brasil
25 textos (2043 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 18:27)