Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Não quero dó...

 Devasta! Devora ! Rumina!
 Sua tôla! Desgraçada!
 Deixa-me aqui, jogado.
 Dor não é nada. Dó, pena.

 Chora! Chora por você!
 Chora! Chora pelo inferno!
 Mas nunca, nunca por mim!
 Mas nunca, nunca por ninguém!
 
 Acordo sozinho. Com ela do meu lado!
 Acordo sozinho, suado. Sozinho.
 Vejo um lago. De louça.
 Vejo vômito nele. Meu vômito. Minha Louça.
 
 Não chora. Por favor.
 Não por mim. Por favor.
 Deixa anjo! Por favor.
 Eu choro por mim mesmo.
 
 
Gordo
Enviado por Gordo em 29/08/2006
Código do texto: T228106
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Gordo
São Paulo - São Paulo - Brasil, 39 anos
54 textos (3244 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 10:39)
Gordo