Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Valeu a Intenção

               (um partido alto)

    (voz 1)
    Vim te falar
    que eu me acho ao teu dispor,
    pois é triste a gente estar
    sempre numa de horror.

    (voz 2)
    Pode deixar,
    eu não tenho o teu poder,
    mas não tenho que comprar
    o que não há pra vender.

(voz 1)
Eu te arranjo algum dinheiro,
pois não posso ver ninguém
de uniforme o dia inteiro
porque roupa já não tem.

(voz 2)
Obrigado, camarada,
eu me arranjo muito bem,
o dinheiro não é nada
se saúde não se tem.

    (voz 1)
    Vim te falar
    que eu me acho ...........
    ..........................

    (voz 2)
    Pode deixar,
    eu não tenho .............
    ..........................

(voz 1)
Jogue fora o jornal.
Eu te compro um colchão
e uma cama em nada igual
àquele banco da estação.

(voz 2)
Obrigado, meu amigo.
Deixe de se incomodar,
durmo mal mas eu consigo
realmente descansar.

    (voz 1)
    Vim te falar
    que eu me acho .............
    ............................

    (voz 2)
    Pode deixar,
    eu não tenho ...............
    ............................

(voz 1)
Teu salário é de fome.
Se quiseres melhorar,
não se acanhe, use meu nome.
Muito mais irás ganhar.

(voz 2)
Obrigado, meu parceiro.
Eu receio enriquecer.
Quanto mais alto o coqueiro,
mais o tombo vai doer.

    (voz 1)
    Vim te falar
    que eu me acho .............
    ............................

    (voz 2)
    Pode deixar,
    eu não tenho ...............
    ............................

(voz 1)
Nessa vida é importante
aparência pra vencer.
Se quiseres, num instante
uns ternos mando te trazer.

(voz 2)
Novamente eu agradeço.
Eu me visto mesmo mal,
mas pra gente que eu conheço
isso não é fundamental.

    (voz 1)
    Vim te falar
    que eu me acno .............
    ............................

    (voz 2)
    Pode deixar,
    eu não tenho ...............
    ............................


Rio, 26/08/1977


Aluizio Rezende
Enviado por Aluizio Rezende em 06/09/2006
Código do texto: T233789

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Aluizio Rezende
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
6596 textos (144490 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 00:23)