Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CANTO DA TERRA

Meu canto é triste
é latino
meu canto é como o
de um menino
que a Terra-Mãe esqueceu
Meu canto é triste, sem beleza
meu canto é eco da tristeza
que inuda este chão meu.
Meu canto é meu pranto.
O reflexo da minha situação:
Com sede, sem água
com fome, sem pão
Meu canto é minha sina:
Pardal que foge
da ave de rapina,
assim é minha rotina
Taciturno e monótono,
soluçante e desafinado,
canto em berros,
mas canto calado.
Meu canto é este:
É da Terra
Numa invisível esperança
ele se encerra
Esperança de que,
num dia,
possa eu mudar de melodia.
Marcelo Lopes
Enviado por Marcelo Lopes em 09/06/2005
Código do texto: T23467
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marcelo Lopes
Guarujá - São Paulo - Brasil, 47 anos
475 textos (44340 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 16:42)
Marcelo Lopes