Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

De como não sei como dizer: lembre-se de mim...

Quando,
em algum momento se lembrar,
talvez não de amores, talvez não de mim,
querendo um querer que contém todos
os ideais e, mesmo assim, realizáveis,
e superar, talvez não em mim,
mas talvez em outros amores,
ousadias tais que buscam
esses mesmos quereres

Se,
em algum momento, em algum quando,
por certo não por querer, se lembrar de mim,
lembre-se também que em minha lembrança
a sua recordação, que são de amores,
que são do meu querer,
quer sim que a tua lembrança,
de algum modo, também se recorde
de querer a mim...
ErlKoenigKunstler
Enviado por ErlKoenigKunstler em 08/09/2006
Reeditado em 09/09/2006
Código do texto: T235301

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (João Carlos do Carmo Guimarães, www.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
ErlKoenigKunstler
Santo André - São Paulo - Brasil
74 textos (3066 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 18:50)
ErlKoenigKunstler