Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Querência Eterna

Num jubilo perene,
De irresistível paixão.
Aflora não somente os desejos,
Fome e sede de viver.
O que a vista deturpa?
Deixa às lágrimas um rolar,
Inibe também a alma,
Que quisera tanto entender.
Fica assim um tratado,
Se em meu amanhecer,
O dia perceber a rotina,
Quero um eterno adormecer.
Não acolheste conhecimento,
Não detém do que tua amizade,
Uma oração do que em verdade,
Desafina ao coração o que ora.
Admirando na escuridão, a Lua,
Como benção assim me perdoa,
Vem a mim o que tanto sentir,
Do meu eterno sonhar,
Um sonhado lugar para acordar.
Vanderlei
Enviado por Vanderlei em 08/09/2006
Reeditado em 08/09/2006
Código do texto: T235802
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Vanderlei
Espírito Santo do Pinhal - São Paulo - Brasil, 46 anos
83 textos (5353 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 14:33)
Vanderlei