Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Menino inocente

Menino inocente

Meu coração, iludido
Ainda toca musica infeliz, é
Coração de menino traquino
Inocente, amante...
Do luar e das magias
Da dor que consome e
Aflição, fogo que atiça a
Vontade de não querer
Coisa nenhuma...
Relembrando amor distante,
E faz chover rosas.
Tira os espinhos
Acaricias-me...
Com muitos carinhos
Brasão do fogo, que queima sem chama
Que faz o amor eloqüente
Traz paz a esse coração
Boêmio por amar quem  me despreza
E faz-me sofrer...
Que nesta platéia é o bobo
Que não recebe  aplausos
Apenas as vaias, de sofrer por amor
Viver, sem os perfumes e soluçar
Ao vê-la nos braços de outro


http://carlodonizeti.blogs.sapo.pt/
http://www.clesio.net/blogs/media/as-rosas-nao-falam.mid


Comendador Carlos Donizeti
Enviado por Comendador Carlos Donizeti em 16/09/2006
Reeditado em 18/08/2008
Código do texto: T241443

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, fazer uso comercial da obra, desde que seja dado crédito ao autor original.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Comendador Carlos Donizeti
Hortolândia - São Paulo - Brasil, 58 anos
135 textos (4268 leituras)
12 áudios (448 audições)
6 e-livros (568 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 12:23)
Comendador Carlos Donizeti