Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

POEMA BOBO E PUERIL

Largue-se no mundo e dance
ao redor dos chafarizes.
Repare nesta verdade:
o mundo é dos infelizes!
Rebele-se!

Dê um sorriso para quem está à sua direita,
outro, para quem à esquerda.
Deixe que te chamem de louco,
de bobo alegre,
de dom quixote,
de pangloss,
de parvo, tolo, inconsequënte,
mas enfrente!
Vá em frente!
Seja valente!
Faça poemas pueris,
faça rimas paupérrimas,
mas, com toda a sua força,
dê um chute nos testículos
daquele que te despreza,
só porque tens,
como único tesouro,
o teu sorriso.

Seja louco hoje,
mas seja feliz!
Francisco C
Enviado por Francisco C em 18/09/2006
Reeditado em 07/12/2006
Código do texto: T243134

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (www.franciscocampos.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Francisco C
Porto Velho - Rondônia - Brasil, 48 anos
363 textos (25684 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 04:29)
Francisco C