Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Dedicatória

Eu te ofereço esta manhã sem glória,
Te dou meu verso mais aborrecido,
O ranço duro,o dia sem vitória,
Aquele tapa forte e merecido.

Porque não quero te sorrir de nojo,
Nem abalada estou com a tua agrura,
Porque exagero,se te der um beijo,
Nem me incomoda a tua desventura.

Um homem belo e bem aquinhoado
Não deve conceder ao sofrimento,
Como se fora um pobre esfarrapado.

Te dedico o silêncio apaixonado
Desta constante força em movimento
Porque te amo inteiro e respeitado.
Zully Oney Teijeiro Pontet
Enviado por Zully Oney Teijeiro Pontet em 22/09/2006
Código do texto: T246578
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Zully Oney Teijeiro Pontet
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 59 anos
219 textos (13426 leituras)
1 áudios (112 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 13:44)
Zully Oney Teijeiro Pontet