Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SE EU NAO SOUBESSE.....




                                     Se eu não soubesse...


Se eu não soubesse  eu não seria
Se eu não soubesse não sucumbiria
Sério seria se eu não soubesse
Se eu não soubesse me saciaria

Sabedor do certo e  incerto, sei que sei;
Soa o sino da minha sina de tudo que ensino e não sou
Cedo à sede dos insanos,
Sou cego, mas não sinto o som que os surdos sentem.
- Sossega, é só um sinal que assinala os novos sentidos que se deve seguir.
Sussurra a sabedoria sensata ao meu ouvido:
- Cede à sede de ser
- Sais ao sonho da sede do porvir, para onde tens que ir.
- Sê de, somente sê;
- Liberta-te das ciladas que te faz sofrer.
Diz o sábio sabedor que me acompanha sereno sem se entristecer.

Ânimo! animas os que te cercam, pois eles sabem bem menos que você;

Mas seguem sorrindo;
São sãos, pois são Sansãos;
Choram os choros secretos, mas secam as lágrimas,
sorvem a dor e saem servindo.

PEDRO FERREIRA SANTOS
Em 05/11/2000.
Petrus
Enviado por Petrus em 23/09/2006
Código do texto: T247036

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Pedro Ferreira Santos). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Petrus
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
173 textos (26454 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 02:43)
Petrus