Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
defectiva


perco o jeito 
a todo o momento 

sempre acontece 

fico perdida 
entre águas
meio aos cálculos
em caldas 
de cerejas 
querendo merengue

enrolo no dedo
o algodão-doce

sabe, 
isso não é defeito
sou assim
e faz tempo viu

quando pequena
sempre fui 
a cobra-cega

não sei 
se é modo 
ou maneira
preciso 
ler no silabário

[momentinho aí! ]

em tudo 
há 
um tanto 
do meu
desjeito

aceita-me?

'eu manco'
marcia eduarda
Enviado por marcia eduarda em 23/09/2006
Reeditado em 24/09/2006
Código do texto: T247675

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (márcia eduarda®). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
marcia eduarda
São Paulo - São Paulo - Brasil
534 textos (16560 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 08:41)
marcia eduarda