Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A mascara um dia cai


Por Iolanda Brazão


Sensação de vazio
Lágrimas explodem
A tristeza chega
E todo faz de conta deixa de ser
O corpo trêmulo grita
O coração em desespero
Lança mil perguntas no ar
Nenhuma resposta
Estou só,
Não tenho com quem falar!
Muito menos em quem acreditar
A solidão invade, maltrata!
Deprime, vira caos!
Olho ao redor
Não encontro nada
Nesta realidade
O sonho deixa de ser
Na verdade nunca foi
Tentei dissimular
Fazer você pensar que eu era feliz
Mas a dura verdade foi que eu
Nem mesmo consegui acreditar
No sonho que inventei
Não conseguir me enganar
A mascara  um dia cai
Agora estou a chorar, a lamentar
Preciso me levantar
Sacudir a poeira no ar
Sair por aí ...
Iolanda Brazão
Enviado por Iolanda Brazão em 27/09/2006
Código do texto: T250421

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Ex: cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Iolanda Brazão
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
343 textos (32009 leituras)
3 áudios (627 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 04:09)
Iolanda Brazão