Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

GRITO

Quero me fazer ouvir, mas meu grito é mudo.
Tento espantar e fazer sumir todas minha dúvidas,
Mas não consigo, sei que posso,mas me parece impossível.
A noite onde tudo volta a minha mente,
Procuro uma luz, mas a escuridão de meu quarto,
Minha companheira a muito, dissipa a possibilidade.
Me apego na solidão, mas não quero, então volto a lutar,
Sei que sou forte e a vitória não tardará,
Os louros pela conquista com certeza virão,
E eu estarei ali para saboreá-los por completo,
Não deixarei meu grito ser sufocado pelas regras impostas,
Nem aqueles que custam muito a mim esquecerei,
Estarão ao meu lado, sim faço questão que estejam,
E saberão que venci mais uma vez,
Não quero ser carregada nos ombros,
E muito menos ser aclamada, quero reconhecimento,
Que seja restabelecido meu valor, pois sei que o tenho,
Sou forte e decidida, pois nenhuma batalha será em vão,
Me defino como coragem, mas não me falta sabedoria,
Não me falta amor e nem um destino que me espera,
Mas darei a ele a ajuda que falta, para minha felicidade.
 
Manoel Denys
Enviado por Manoel Denys em 30/09/2006
Reeditado em 03/04/2008
Código do texto: T253402
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Manoel Denys
São Paulo - São Paulo - Brasil
88 textos (8836 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 18:30)