Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ESQUEÇA

ESQUEÇA

Brincastes tanto com meus sentimentos
enquanto eu te amava de verdade
hoje esperas que eu ouça teus lamentos
pedindo até mesmo por caridade

Pedes que eu entenda tua fraqueza
quando pisastes sem piedade no meu amor
sinto, mas hoje esta tua grandeza
para nada serve, já não sinto mais dor

Tudo que posso é não querer-te mal
não quero usar-te, te tratar igual
o que me fizestes não foi pouco, reconheço
mas não quero cobrar-te o mesmo preço

Não posso ouvir-te reclamar os teus fracassos
não quero sentir por ti qualquer pena
hoje estou feliz em outros braços
não me farei mesquinha, pequena

Nosso caso ficou esquecido no passado
não te esqueças, tu mesmo o enterrou
quando me dissestes que tudo estava terminado
aceitei sofrendo, mas tudo passou

Não te guardo nenhum rancor
mas, nada mais tenho para te oferecer
não posso oferecer-te nem mesmo a dor
que naquele dia me fizestes sofrer

Não te sintas agora, um derrotado
apenas por me ver feliz assim
não se constrói um futuro com as cinzas do passado
sejas feliz, esquecendo o passado e também de mim

Célia Jardim
Célia Jardim
Enviado por Célia Jardim em 01/10/2006
Reeditado em 07/12/2007
Código do texto: T253587

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Célia Jardim
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil
1058 textos (43798 leituras)
19 áudios (1387 audições)
9 e-livros (765 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 02:55)
Célia Jardim